Evento – Saúde realiza 6ª Semana do Aleitamento Materno

Amanda amamenta João Vitor: “Estou fazendo o melhor pela nutrição do meu filho”. Foto: Isabela Borghese

SMAM, como é conhecida, será de 1º a 7 de agosto; ações para fortalecimento da amamentação acontecem durante todo o mês

 

Para celebrar o Agosto Dourado, a Secretaria de Saúde, por meio do Comitê Municipal de Aleitamento Materno e Alimentação Complementar Saudável, realiza a 6ª edição da Semana Municipal de Aleitamento Materno (SMAM), de 1º a 7 de agosto, com o tema Fortalecer a Amamentação: Educando e Apoiando. O objetivo das ações, que se estendem pelo mês de agosto, é fortalecer a capacidade da rede de apoio para proteger, promover e apoiar a amamentação em todos os níveis da sociedade, para que os índices de aleitamento materno sejam melhorados no município. São parceiros da atividade – que também marca a Semana Mundial de Aleitamento Materno – o Hospital dos Fornecedores de Cana (HFC), Santa Casa de Misericórdia, Unimed Piracicaba, Unimep (Universidade Metodista de Piracicaba) e ONG MamAÇÃO.

Conforme explica o secretário de Saúde, Filemon Silvano, a ação retoma suas atividades presenciais após dois anos de pandemia, além de fazer parte do calendário oficial do aniversário da cidade, comemorado em agosto. “Foram momentos difíceis com a pandemia da Covid-19, porém, o Comitê e seus parceiros e incentivadores não deixaram de realizar ações online, fomentar e direcionar ações para incentivar o aleitamento materno na cidade. Agora, com uma programação que engloba ações ao longo de todo o mês de agosto nas unidades do SUS, esperamos que a mensagem alcance ainda mais pessoas”, enfatizou.

De acordo com a nutricionista Andresa Nunes Garcia Mendes, presidente do Comitê Municipal de Aleitamento Materno, o Agosto Dourado acontece pelo fato de o leite materno ser considerado o padrão ouro de qualidade para alimentação dos bebês. “A Semana deste ano se concentra no fortalecimento da capacidade da rede de apoio para proteger, promover e apoiar a amamentação em todos os níveis da sociedade, para que os índices de aleitamento materno sejam melhorados em nosso município”, afirma.

Para a assistente social Solange Spironello, membro do Pacto para Redução da Mortalidade Materno-infantil de Piracicaba, o tema da SMAM deste ano está alinhado com a Agenda 2030 para o Desenvolvimento Sustentável, que tem como foco a erradicação da pobreza, acabar com a fome e alcançar a segurança alimentar e melhoria da nutrição e promoção da agricultura sustentável, assegurar uma vida saudável e “promover saúde e bem-estar para todos em todas as idades, ainda promover educação de qualidade, inclusiva, equitativa com oportunidades de aprendizagem ao longo da vida”.

INCENTIVO – Um exemplo de luta pela amamentação e alimentação saudável vem da auxiliar administrativa de 31 anos, Amanda Maria Tonin Campos, mãe de João Vitor. Para ela, a amamentação tem sido o momento mais desafiador da maternidade. “Quando engravidei, me informei sobre as dificuldades, sobre o puerpério, e amamentar não foi como sonhei. O meu filho não fez a pega com facilidade, o meu seio ficou machucado e sangrando, mas não desisti. Sabendo que o leite materno é o melhor alimento para o bebê, fortalece o sistema imunológico, é a principal fonte de nutrientes e previne alergias, insisti na amamentação e contei com a ajuda da Adriana Brandão, do PSF Jaraguá 2. Ela me ajudou com a pega correta, me ensinou a massagear os seios para liberar o leite e principalmente me acalmou”, disse. “Os primeiros dias são desafiadores, mas passam e cada gota de leite é importante para o desenvolvimento do bebê. Eu sigo acreditando na amamentação, vivendo um dia de cada vez, confiante de que estou fazendo o melhor pela nutrição do meu filho”, completa.

MAMAÇO – O encontro do Mamaço desta edição acontece na terça-feira, dia 2/08, a partir das 13h30, na Estação da Paulista (Espaço Gare) e deve reunir cerca de 200 mães piracicabanas para tradicional momento de amamentação simultânea para incentivar o aleitamento materno mostrando os benefícios potenciais da alimentação natural na vida do bebê.

Conforme explica Tatiana Bonini, enfermeira e coordenadora de enfermagem do Departamento de Atenção Básica da Secretaria de Saúde, ao logo desta tarde, gestantes, mães, bebês e famílias são convidados para um momento de descontração, de conversa e estímulo ao aleitamento materno. “Entre as ações previstas está a apresentação de Dança Materna com a professora Samira Lopes, licenciada em dança para gestantes, mães e bebês de colo/engatinhantes. Ainda, o Banco de Leite do HFC divulgará seu trabalho em prol dos bebês prematuros e apoio às mães para o sucesso da amamentação”.

Incentivam esta ação as Secretarias Municipal de Assistência e Desenvolvimento Social (SMADS), de Esportes, Lazer e Atividades Motoras (Selam), Ação Cultural (Semac), Educação, Trânsito (Semuttran), ONG MamAção, Unimed Piracicaba, HFC, Santa Casa, e entidades como o Lions Club e Programa Criança Feliz, Artesãs do Amor, Pastoral da Criança e Unimep.

A programação completa do evento está disponibilizada no site e redes sociais da Prefeitura e pelo Instagram da SMAM (@smampiracicaba).

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Rolar para cima