Mauricio Picazo Galhardo

AMBIENTAL
O Banco do Brasil anunciou a emissão de sua primeira Cédula de Produto Rural voltada à preservação, solução financeira que oferece ao produtor crédito e recursos para apoiar e fomentar o cuidado que ele dedica à sustentabilidade no campo. O lançamento teve a participação do presidente da República, Jair Bolsonaro, e dos ministros da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa), Marcos Montes; da Economia, Paulo Guedes; do Meio Ambiente, Joaquim Leite; e da Infraestrutura, Marcelo Sampaio.

 

SAFRA 2022/23
A Companhia Nacional de Abastecimento (Conab) divulgou a sétima estimativa da safra de grãos 2021/22. Os números indicam que a produção de grãos no país poderá atingir um total de 269,3 milhões de toneladas, o que representa 5,4% ou 13,8 milhões de toneladas superior à obtida na safra anterior. Para o diretor de Comercialização e Abastecimento do Ministério da Agricultura, Sílvio Farnese, os números são favoráveis, mesmo com a situação atual de preocupação com o cenário internacional e com as situações climáticas observadas no ano passado.

 

ABRIL VERDE E AMARELO
O Governo Federal iniciou uma força-tarefa para garantir a titulação de terras a um grande número de famílias assentadas no país. Na campanha denominada Abril Verde e Amarelo, serão feitas entregas de títulos de propriedade rural, definitivos e provisórios, em diversos estados a partir deste mês. A expectativa é entregar pelo menos 50 mil títulos em abril. A regularização fundiária é uma das prioridades do Governo Federal.

 

DIDÁTICA
Apeste suína africana é uma doença contagiosa que devastou rebanhos na China, em outros países asiáticos e na União Europeia. Não tem cura nem tratamento e, quando diagnosticada, exige o sacrifício de todos os animais contaminados. A chamada PSA ainda não chegou ao Brasil nessa onda mais recente, mas casos foram confirmados no ano passado na República Dominicana e no Haiti. Agora, o Mapa, acaba de publicar um material de caráter preventivo: o livro “Diálogos para a prevenção da peste suína africana”.

 

PÊMIO MULHERES PODEROSAS
O secretário interino da pasta de Agricultura, Francisco Matturro, entregou o prêmio Mulheres Poderosas do Agro 2021, da Forbes, à pecuarista Letícia Jacintho, na sede da Secretaria de Agricultura, em São Paulo. O encontro rendeu uma conversa acerca das iniciativas recentes da Secretaria para o apoio aos produtores rurais do estado e do trabalho da premiada na conscientização da sociedade da importância do agro. Letícia Jacintho atua na área da educação com enfoque no agro.

 

DECRETO
O secretário interino de Agricultura e Abastecimento do Estado de São Paulo, Francisco Matturro, participou da assinatura do decreto de regulamentação da venda de carne moída fracionada no estado de São Paulo. O ato foi realizado, no Palácio dos Bandeirantes pelo governador, Rodrigo Garcia. A Secretaria de Agricultura e Abastecimento teve uma importante contribuição para o decreto, o CIPOA (Centro de Inspeção de Produtos de Origem Animal) da Coordenadoria de Defesa Agropecuária, trabalhou nos procedimentos técnicos.

 

EQUIPAMENTOS
O Secretário de Agricultura e Abastecimento do Estado de São Paulo, Francisco Matturro, participou, da primeira edição do programa Governo na Área, realizada no município de Franca. Ao lado do governador Rodrigo Garcia, da primeira-dama e presidente do Fundo Social, Luciana Garcia, do prefeito de Franca, Alexandre Ferreira, e dos demais secretários do estado, o evento marcou uma nova fase, em que o gabinete do governador se desloca ao interior, prestando contas de suas ações e ouvindo as demandas da região.

 

ENCONTRO ESTADUAL DE AGRONEGÓCIOS
Realizado, em Bauru (SP), o Encontro Estadual de Agronegócios teve o objetivo de apresentar o balanço de 2021 e o planejamento das ações previstas para este ano. Com o tema “Agrosempre – uma nova atuação no agronegócio”, o evento foi promovido pelo Sistema FAESP/SENAR-SP (Federação da Agricultura e Pecuária do Estado de São Paulo e Serviço Nacional de Aprendizagem Rural) e pelo Sebrae-SP.

 

NOTA DE REPÚDIO
O sistema Federação da Agricultura e Pecuária do Estado de São Paulo/Serviço Nacional de Aprendizagem Rural (FAESP/SENAR/SP) repudia a atitude desrespeitosa de um professor em sala de aula numa escola particular de São Paulo, que repreendeu um aluno que defendeu o setor de agronegócio no Brasil, durante a fala da palestrante Sônia Guajajara. (Com informações de assessorias)

 

Email: [email protected]

 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Rolar para cima