Museu de Logística da Esalq recebe empurrador hidroviário

Trata-se de um empurrador hidroviário doado pela Raízen – Crédito: Divulgação

Na última segunda-feira (20), o Museu de Logística da Esalq (Escola Superior de Agricultura Luiz de Queiroz) recebeu mais um item para exposição. Trata-se de um empurrador hidroviário doado pela Raízen, que era utilizado antigamente na Usina Diamante, localizada em Jaú (SP). Armazenado no estaleiro Vale do Tietê, em Barra Bonita (SP), o empurrador foi transportado para o campus da USP em Piracicaba para integrar o acervo do museu.
Além da operação logística de transporte da peça, realizada pela empresa Transnáutica, sua movimentação envolveu uma série de medidas especiais, uma vez que suas dimensões alcançam a marca de 40 toneladas, 28 metros de comprimento, cinco metros de largura e quatro metros de altura. Foram necessárias uma carreta e uma licença específicas para o transporte, devido ao seu tamanho ultrapassar as medidas padrão de itens transportados pelas rodovias do país, bem como a construção de uma nova entrada na Esalq, localizada na antiga estrada que leva ao aeroporto de Piracicaba, visto que as entradas já existentes não comportavam seu tamanho.
Outra medida planejada para a chegada do empurrador foi a construção de uma estrutura metálica para sustentar a barcaça, feita pela Cirelli Metalúrgica, assim como sua fundação, calculada pela Gepec Engenharia e construída pela Construtora Mário Jordão.
Tais operações visam oferecer a melhor e mais segura estrutura tanto para o museu como para seus visitantes. Contando com o apoio da Prefeitura do Campus, da Diretoria da Esalq e da Prefeitura de Piracicaba, a peça já está posicionada no museu, devendo em breve estar disponível para visitação.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Rolar para cima