Coronavírus: idosos devem evitar horários de pico

O presidente do Sindicato, João Soares, recomenda que os idosos utilizem o sistema de transporte entre 9 e 16 horas – Crédito: Divulgação

Preocupado com a pandemia de coronavírus, o presidente do Sindicato dos Trabalhadores em Transporte Urbano de Piracicaba, João Soares, está orientando a população idosa a evitar o uso do transporte coletivo da cidade principalmente nos horários de pico, que ocorre no início da manhã e no final do dia. A preocupação do dirigente sindical é em função de que a população idosa, a partir de 60 anos de idade, é a mais vulnerável à doença. É considerado período fora do horário de pico entre 9 e 16 horas.
A recomendação é porque atualmente o sistema de transporte coletivo transporta mensalmente aproximadamente 430 mil passageiros com idade a partir de 60 anos, que têm gratuidade na passagem, o que representa quase 20 mil por dias úteis. “Neste momento que estamos vivendo, é importante que as pessoas com mais idade, como eu que tenho 68 anos, se previna, evite as aglomerações, enfim, temos que tomar todas as medidas de prevenção possíveis. O ideal é ficar em casa e quem necessitar, realmente, que utilize nos horários que reduz o número de passageiros nos ônibus”, diz João Soares.
Mesmo fora do horário de pico, o presidente do Sindicato recomenda que as pessoas que são mais vulneráveis à doença evitem o transporte coletivo, apesar de ressaltar que a empresa responsável pelo sistema vem tomando todas as medidas de limpeza e higienização dos ônibus. “Temos acompanhado de perto este trabalho”, acrescenta.
O sistema de transporte coletivo de Piracicaba conta com cerca de 700 trabalhadores e uma outra preocupação do presidente do sindicato é com os motoristas, principalmente em função de que parte deles já tem idade superior a 50 anos. “Vamos discutir com a empresa é que é possível ser feito, apesar de nossos companheiros e companheiras estarem sendo orientados a lavarem as mãos sempre que possível, assim como fazerem o uso do álcool gel”, conta.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Rolar para cima