XV x Portuguesa Santista: ingressos para estão à venda no Barão

Na quarta (4), o XV empatou em 0 a 0 com o Monte Azul – Crédito: Elcio Fabretti

O XV de Piracicaba voltará a atuar neste sábado (7), às 19h, diante da Portuguesa Santista, em Piracicaba, pela 11ª rodada do Paulistão A2, e os ingressos para este confronto estão à venda na bilheteria do portão 2 do Barão da Serra Negra, nesta sexta-feira, das 9h às 17h30, e no dia da partida, das 9h até o intervalo do jogo. As demais bilheterias abrem duas horas antes do embate, ou seja, às 17h. Em homenagem ao Dia Internacional da Mulher, comemorado no domingo (8), as mulheres que forem comprar ingressos com a camisa do XV até as 17h30 de hoje, pagarão meia-entrada em qualquer setor. O limite é de um bilhete por torcedora.

Novidade para este ano, o plano sócio XVzão – R$ 15 mensais – que dá acesso livre ao setor Branco (arquibancada descoberta, com entrada pelo portão 6, localizado na Avenida Independência). A contratação é válida por um ano, com pagamento no cartão de crédito em até 12 vezes, ou boleto à vista, o que dá 5% de desconto. Presencialmente, também é possível realizar o pagamento no cartão de débito. Para mais detalhes sobre este e demais planos Nação XV, que dão descontos em ingressos e possibilitam o uso de catracas exclusivas, além de outras vantagens, acesse: https://www.nacaoxv.com.br/.

Os preços são os seguintes: Arquibancada cadeira lateral, portão 1 (setor Preto) – R$ 50; Arquibancada cadeira coberta (cativa), portão 2 (setor Azul) – R$ 60; Arquibancada cadeira lateral, portão 3 (setor Verde) – R$ 50; e Arquibancada descoberta (geral), portão 6 (setor Branco) – R$ 30. O setor destinado à torcida visitante será o Vermelho, arquibancada descoberta, com entrada pelo portão 4, na Rua Moraes Barros, e o ingresso a R$ 30. O torcedor tem ainda a opção da compra online, no site da Total Ticket, acessando https://www.totalticket.com.br/evento/2083 (os ingressos podem ser adquiridos com cartão de crédito ou débito, o que não ocorre na comercialização presencial).

Têm direito a pagar metade do preço total do ingresso as seguintes pessoas: estudantes (exceto de cursos profissionalizantes), professores da rede pública de ensino, aposentados e também pessoas com deficiência – PCD – todos devidamente documentados. Proprietários de cadeiras cativas também têm direito a meia-entrada, porém devem retirar o seu ingresso na secretaria do clube com, no mínimo, 24 horas de antecedência ao horário da partida. Clientes Unimed (apenas o titular, com a carteirinha em mãos, poderá fazer a compra, se limitando a um ingresso) e funcionários da Raízen podem usufruir deste desconto, desde que a aquisição seja efetuada até às 17h30 de sexta-feira.

O portador da Identidade Jovem, emitida pela Secretaria Nacional da Juventude, que deve ser apresentada no ato da compra e da entrada, juntamente com um documento oficial, também paga meia. Não pagam para entrar no estádio: crianças menores de 14 anos, acompanhadas por um responsável, idosos portadores da carteirinha do idoso emitida pela prefeitura (acesso exclusivo pelo portão 3) e cadeirantes (acesso exclusivo pelo portão 7). As pessoas que têm direito à gratuidade poderão retirar o ingresso com antecedência, na bilheteria do portão 2, ou no dia do jogo, diretamente na bilheteria do portão 3 (setor Verde), local destinado aos beneficiários. Não será permitida a entrada com camisas de outros times.

EMPATE COM O LÍDER

Nessa quarta (4), O XV de Piracicaba empatou em 0 a 0 com o Monte Azul – líder do Paulistão A2 no momento da abertura da 10ª rodada – no Estádio Otacília Patrício Arroyo, em Monte Azul Paulista. O XV por pouco não abriu o placar logo aos nove minutos de jogo. Daniel Costa cobrou falta lateral, Jô resvalou de cabeça e quase marcou contra. A bola passou raspando a trave esquerda de Caio. O primeiro lance de perigo dos donos da casa ocorreu oito minutos depois. Gilsinho, ex-Nhô Quim, tocou para o meio da pequena área, para Gabriel Souza, que virou e tentou o arremate. Mota saiu bem do gol e travou o atacante adversário por baixo.

Aos 35 minutos, após batida de falta lateral, Marcos Paulo cabeceou e a bola passou perto do travessão quinzista. Já na etapa final, aos oito minutos, Jefferson Feijão cruzou, e a bola passou por Marcelinho e Robertinho, que chegou a tocar de cabeça na bola. Ela foi para fora. Raphael Macena, de volta ao time titular após recuperar-se totalmente de entorse no tornozelo direito, finalizou rasteiro, de pé esquerdo, aos 15 minutos, e Caio defendeu em dois tempos.

Raphael Macena recebeu de Kadu Barone, aos 24 minutos, e bateu cruzado, rasteiro. A bola foi para fora. Gilsinho cobrou falta da entrada da área, aos 35 minutos, no chão, e a bola passou à direita de Mota, pela linha de fundo. Antes do apito final, os comandados de Tarcísio Pugliese ainda ameaçaram a meta rival quando Daniel Costa deu belo passe para Erik Gabriel. O atacante do XV deu um toquinho na saída de Caio, que mandou para escanteio, impedindo o gol.

Em seguida, o camisa dez do Nhô Quim bateu escanteio, Robertinho cabeceou, a bola desviou na defesa e passou próxima ao travessão. O Monte Azul puxou contra-ataque na sequência e Jhonatan tentou surpreender Mota em chute de fora da área. O arqueiro do Alvinegro Piracicabano, no solo, defendeu. Após isso, só houve tempo para atendimento ao zagueiro Gilberto Alemão, que sofreu novo choque de cabeça e precisou levar sete pontos no local.

 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Rolar para cima