Câmara questiona sobre habitação e mobilidade urbana

O Plano Municipal de Mobilidade Urbana e recursos para habitação de interesse social são temas dos requerimentos 150/2020 e 149/2020, que foram apreciados durante a 6ª reunião ordinária da Câmara de Vereadores de Piracicaba, que ocorreu quinta (20). Ambas as proposituras são de autoria da vereadora Nancy Thame (PSDB) e do vereador Paulo Serra (CID), os trabalhos voltam ordinariamente na quinta (27).

Também foram pautados, em discussão única, os requerimentos 151, que solicita informações sobre o tombamento de imóvel que foi utilizado como moradia pelo Frei Sigrist; 152, sobre pistas oficiais para moutain bike; e 153, que concede voto de congratulações ao coronel da Polícia Militar Willians de Cerqueira Leite Martins, por assumir oficialmente o CPI-9 (Comando de Policiamento do Interior), em Piracicaba.

Ainda em discussão única foram votadas três moções de aplausos; dois projetos de lei sobre denominação de rua, em primeira discussão e, em redação final, foi votado projeto de decreto legislativo para concessão de título honorífico. O requerimento 147/2020, de autoria do vereador Ronaldo Moschini (CID), a pedido do autor, foi retirado da pauta. Em regime de urgência, o plenário aprovou o requerimento156/2020, de autoria de Paulo Campos (PSD), que cobra responsabilidade da Empresa Ambiental, sobre coleta de lixo na rua Benjamin Constant, esquina com a rua 23 de Maio, no bairro Paulista.

A Tribuna Popular foi ocupada por três oradores: Fábio Nobre Gil, na temática sobre classificação exagerada do bairro Jardim Europa; Daniela Fernanda Ribeiro, que abordou sobre a questão dos ônibus, transporte público, linhas retiradas de bairro e, sobre os radares. Além de Marco Ferreira, que falou de luta pelo trânsito, no questionamento sobre arrecadação, destinação e competências do poder público.

Vânia Maria da Silva Soares, da Secretaria Estadual de Justiça e Cidadania, falou sobre o Fórum Inter-Religioso em Piracicaba. A oradora, conforme iniciativa do vereador Marcos Abdala (REP), por requerimento aprovado em plenário, garantiu sua participação, por 30 minutos, para abordar sobre o tema cultura de paz.

A transmissão dos trabalhos em plenário pode ser acompanhada a partir das 19h30 pela TV Câmara (que conta com tradução simultânea em Libras) nos canais 4 da Claro/Net, 9 da Vivo Fibra e 60.4 em sinal digital, pelo site www.camarapiracicaba.sp.gov.br/tv, por meio dos canais oficiais do Legislativo no Facebook e no Youtube e pela rádio Câmara Web. A transmissão pela rádio Educativa FM tem início às 20h.

A população também pode assistir à reunião ordinária na galeria do plenário “Francisco Antonio Coelho”. A entrada é por ordem de chegada, sendo necessário se apresentar na recepção do prédio principal da Câmara, à rua Alferes José Caetano, 834, no Centro, com entrada acessível. A galeria conta com espaço reservado para cadeirantes.

Reunião ordinária da Câmara ocorreu nessa quinta (20) – Crédito: Davi Negri

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Rolar para cima