Turismo Paulista – 22/02/2020

UMA PRAÇA BADALADA

É sempre bom uma cidade ter uma praça diferenciada, de admirável beleza, e que chega a ser um dos seus cartões postais. É o que acontece com a praça 10 de março da cidade de Ituverava. Ela até possui uma réplica de Cachoeira do Salto (também dentro da cidade), e se destaca pela exuberância de sua iluminação a partir das luminárias em estilo colonial até o chafariz luminoso com espelho d´água onde está o busto em homenagem ao nadador Gustavo Borges, que viveu boa parte de sua vida na cidade. Por suas belezas e cuidados foi considerada, com justiça, umas das mais belas praças do país.

 

A TURÍSTICA ITUVERAVA, SP

A cidade é uma das que receberam do Governo do Estado o título de “Município de Interesse Turístico”. Ituverava fica a pouco mais de 400 km da capital, na região de Franca. Um dos seus atrativos é o “Parque Recreio Municipal” com perto de 100 mil m2, tendo sido planejado para aproveitar suas belezas naturais. Faz parte do parque uma cachoeira chamada Salto Belo, que deu origem ao nome de Ituverava (em tupi-guarani). O parque é bem cuidado e merece a sua visita.

 

ESTÂNCIAS E MITs

Nunca é demais alertar aos avisados e aos desavisados. Aproxima-se a época em que as prefeituras de Estâncias Turísticas e dos Municípios de Interesse Turístico se vêm obrigadas a fazer revisão nos seus respectivos PDT (Plano Diretor de Turismo). Pior ainda, quando estamos em vésperas do ranqueamento. Assim sendo, vimos alertar que o PDT precisa ser atualizado, precisa passar por audiência pública, precisa ser aprovado em Ata registrada do seu Conselho Municipal de Turismo, precisa ser aprovado por sua Câmara Municipal e, finalmente, precisa que o seu prefeito ou prefeita promulgue a nova Lei. A nova Lei – junto com os demais documentos – deve ser entregue na Secretaria de Turismo do Estado de São Paulo até o dia 30 de abril. É bom não brincar com isso!

 

TURISMO EM TAMBAÚ, SP

Tambaú é nome de origem Tupi que quer dizer “Rio das Conchas”.   Localizada a 270 km da capital, a cidade de Tambaú também recebeu o título de “Município de Interesse Turístico”, principalmente por ter forte Turismo Religioso. Em 1905 instalou-se ali a primeira cerâmica produzindo utensílios domésticos, utilizando-se da disponibilidade da boa argila local. Hoje a cidade é um polo cerâmico com mais de 100 empresas que produzem os mais variados produtos cerâmicos. Mas, na década de 1950, um fenômeno chamado Padre Donizetti extrapolou por todo o país com seus milagres.

 

O SANTO PADRE DONIZETTI

Religioso austero, o Padre Donizetti foi amigo das crianças e patrono dos pobres. Nasceu em Santa Rita de Cássia, MG, mas passou seus últimos 35 anos de vida na cidade de Tambaú. Em 1997 foi aberto o Processo de Beatificação. Embora a Cúria brasileira não tenha se empenhado como deveria, os devotos esperam que Padre Donizetti seja beatificado, se tornando, assim, o primeiro Santo brasileiro. São muitas as histórias que se contam a respeito dos seus milagres. Mas, faça você uma idéia de uma cidade de menos de 20 mil habitantes recebendo, num só mês, cerca de 40 mil visitantes. Até hoje, nos fins de semana, visitam Tambaú cerca de 4.000 pessoas.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Rolar para cima