Paulistão A2: Nhô Quim vence o Juventus na Rua Javari

Samuel Andrade marcado por Cristian – Crédito: Ale Vianna/C.A. Juventus

 

O XV de Piracicaba conquistou sua terceira vitória seguida no Paulistão A2, nesse domingo (16), ao derrotar o Juventus, no estádio Conde Rodolfo Crespi, em São Paulo, por 1 a 0 (gol de Caio Mancha). Com este resultado, o Nhô Quim pulou para a quinta colocação (antes do fechamento da sétima rodada), com 11 pontos ganhos. O alvinegro piracicabano volta a campo daqui a exatamente uma semana, quando encara o Red Bull, às 18h30, no Barão da Serra Negra.

 

O JOGO – Como era de se esperar, o Juventus começou a partida tentando fazer valer o mando de campo e indo para cima, diante de um bom público na Rua Javari. O primeiro tempo, porém, seguiu sem grandes oportunidades para ambos os lados, com a marcação das equipes prevalecendo sobre os ataques. O jeito foi tentar os arremates de longa distância, como o de Filipe Cirne, aos dez minutos, e o de Rocha, aos 11 minutos, mas ambos foram para fora.

 

Já a finalização de Robertinho, da entrada da área, aos 15 minutos, terminou nas mãos de André. O técnico Tarcísio Pugliese teve que lidar com mais uma baixa aos 23, quando Cirne precisou ser substituído. Erison entrou em seu lugar. A chegada mais efusiva dos mandantes foi aos 28 minutos. Marcelinho fez boa jogada individual, chegou à linha de fundo e tocou para trás, para Léo Castro, que chegou chutando de pé esquerdo. A bola desviou em Diego Jussani e saiu.

 

O lance de maior perigo do time da Mooca durante o jogo foi aos oito minutos da etapa final. Léo Castro limpou a marcação e, de pé esquerdo, dentro da área, acertou a trave. Aos nove, o treinador quinzista lançou mais um atleta das categorias de formação do clube: David, que estreou entre os profissionais, foi substituído por Muriel. Alex Alves botou sua equipe mais à frente com duas alterações aos 18. Entraram Mazola e Danilo, saíram Cristian e Marcelinho.

 

Aos 20 minutos, Danilo finalizou de dentro da área, a bola bateu em Paulão e sobrou para Potiguar, que mandou para fora. O gol da vitória do alvinegro piracicabano teve origem aos 35 minutos. Erison foi lançado na área, o goleiro adversário saiu do gol e deu um tranco no atacante, que, inclusive, precisou ir ao hospital realizar uma tomografia depois do embate, mas passa bem. Caio Mancha cobrou no canto esquerdo de André, que caiu do outro lado: 1 a 0.

 

 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Rolar para cima