Carnaval tem atrações no Engenho Central e no Largo dos Pescadores

Largo dos Pescadores também tem atrações carnavalescas – Crédito: Divulgação

 

Piracicaba se prepara para receber foliões de todas as idades, com programação repleta de marchinhas, sambas enredo e muito mais. A folia que acontece no Engenho Central e Largo dos Pescadores, de 21 a 25 de fevereiro, gratuitamente, contará com a participação do tradicional bloco da Sapucaia e do Projeto Guri.

 

O abre alas do Carnaval piracicabano terá Sandra Rodrigues e Banda, na sexta (21), a partir das 20h. “A programação deste ano contará com reforço na segurança e valorização de artistas locais. Estamos planejando um carnaval harmonioso, com toda infraestrutura necessária para todos os públicos desfrutarem de dias de muita alegria”, afirma a secretária da Ação Cultural e Turismo, Rosângela Camolese.

 

No sábado, acontece o Cordão do Mestre Ambrósio. Com concentração às 16h, na praça da Boyes, o bloco percorrerá a rua Luiz de Queiroz e avenida Beira Rio, passando pelos cartões postais Museu da Água, Passarela Pênsil e Casa do Povoador, até o Largo dos Pescadores. A novidade será o Bloco do Guri, formado por crianças e jovens entre 6 e 21 anos. O bloco se concentrará em frente ao Museu da Água e descerá a avenida Beira Rio, com brincadeiras e marchinhas como Caiu na Rede, Sassassaricando, Me Dá um Dinheiro Aí, entre outras, a partir das 9h. Às 20h, Patrícia Ribeiro comanda a festa no Largo dos Pescadores.

Também no sábado (22), às 14h, os portões do Engenho Central serão abertos para receber os foliões da Sapucaia, com a banda Bafo de Onça. O evento segue até às 22h. Carlos Fernando Barros, secretário geral da nova Sapucaia, explica que o objetivo do bloco é resgatar a sua tradição no carnaval piracicabano. “Queremos recuperar a alegria e brincadeiras da festividade, chamando as famílias para cairem na folia”, disse.

 

Dia 23, a programação de Carnaval acontecerá no Largo dos Pescadores, com a participação dos blocos de rua e, a partir das 20h, Telma Sturion e banda. No Engenho Central, o domingo contará com Samba & Prosa, às 14h30. Juca Ferreira, banda Ziriguidum e Carlinhos do Cavaco, comandam a festa a partir das 19h30. Dia 24, segunda-feira, às 20h, o grupo Oitava Cor sobe ao palco do Engenho Central, com músicas populares que devem balançar o público.

 

Para fechar o Carnaval Popular 2020, na terça (25), o Bloco da Ema tem concentração a partir das 17h, em frente ao Sesc Piracicaba e segue acompanhando o cortejo do grupo de Maracatu até o Largo dos Pescadores. O bloco comandado por Tony Azevedo visa incorporar à cultura piracicabana, elementos das tradições musicais e carnavalescas do nordeste, sem perder sua identificação com a cidade. Às 20h, Elaine Teotônio traz o melhor da música brasileira. A programação da folia piracicabana se encerra às 22h.

 

A praça de alimentação no Engenho Central será organizada pela Acesp – Associação Cultural das Escolas de Samba e Entidades Carnavalescas de Piracicaba, para captação de recursos. Os foliões do Largo dos Pescadores poderão consumir alimentos preparados pelos voluntários da Irmandade do Divino Espírito Santo.

 

Durante toda a programação não será permitida a entrada de cooler ou qualquer outra “conservadora”, bebidas (qualquer tipo), sprays de espuma ou similares, caixas ou aparelhos de som móvel; o uso de equipamentos ou materiais que possam ser utilizados como armas ou possam ferir outras pessoas. O Carnaval popular de Piracicaba conta com o apoio da Polícia Militar, Guarda Civil Municipal e seguranças especializados. Os acessos aos locais – Engenho Central e Largo dos Pescadores – foram planejados para possibilitar melhor fluxo dos foliões, com catracas e controle de acesso, revista na entrada, faixas informativas e saídas de emergência sinalizadas.

 

ACESSO

Para o Engenho Central, as pessoas terão acesso pela Passarela Pênsil, Parque do Mirante e Ponte Estaiada. Os portões serão abertos a partir dos horários da programação carnavalesca. No Largo dos Pescadores, o acesso será a partir de três entradas: rua Moraes Barros, esquina com Antonio Correa Barbosa; avenida Beira Rio, com rua São José e Rua XV de Novembro, esquina com Beira Rio.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Rolar para cima