Tênis de mesa: equipe da Fran TT conquista medalhas no Aberto do Chile

Carlos Alberto Carbinatti Junior: medalha de bronze – Crédito: Fran TT Training Center

 

O ano começou muito bem para os atletas da equipe de tênis de mesa da Associação Desportiva Fran TT/Café Morro Grande/Selam, que conquistaram três medalhas no ITTF Chile Para Open 2020, disputado no último final de semana, no Ginásio Poliesportivo do Estádio Nacional, em Santiago.

 

Na competição individual, a equipe da Fran TT Training Center garantiu dois bronzes com os atletas Luiz Filipe Guarnieri Manara e Carlos Alberto Carbinatti Júnior. Manara da Classe 8 foi derrotado na semifinal pelo francês Thomas Bouvais por 3×1 e Carbinatti, da Classe 10, parou diante do espanhol Jorge Cardona por 3×2. Os dois já estão garantidos para os Jogos Paralímpicos de Tóquio e viajaram ao Chile com a delegação brasileira paralímpica andantes de tênis de mesa.

 

Na competição por equipes, a dupla Carlos Carbinatti e Luiz Manara trouxe a medalha de prata na Classe 9-10. Eles formaram conjunto com o atleta Lucas Carvalho. Em entrevista após a conquista das medalhas, Carlos Carbinatti disse que a sua participação no Aberto do Chile superou as expectativas com boas apresentações e a medalha de bronze no torneio individual.

 

“Tive grandes chances de vencer o espanhol Jorge Cardona, 11º no ranking mundial, mas estou satisfeito com os resultados. Agora é focar nos treinamentos específicos para Tóquio e chegar ao Japão o mais preparado possível para representar o Brasil”, disse Carbinatti.

 

O outro medalhista da equipe Fran TT Training Center em Santiago, no Chile, foi o mesatenista Luiz Filipe Manara, que já se prepara para iniciar os treinamentos com a Seleção Brasileira Paralímpica Andantes, no período de 17 a 22 de fevereiro, no Centro Paralímpico, em São Paulo. Formado em jornalismo e sempre muito comunicativo, Manara ministrou nesta terça, dia 28, palestra na escola Oficina do Estudante, em Campinas, onde falou de seu exemplo de superação e do orgulho em representar o Brasil nos Jogos Paralímpicos de Tóquio, no Japão.

 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Rolar para cima